Óleo de Rícino

oleo_de_ricino_nossa_formula

O óleo de rícino é derivado das sementes de uma planta chamada Ricinus communis, que cresce em climas tropicais. Geralmente, ela é cultivada como uma planta de jardim ornamental em climas mais leves e, mais recentemente, também tem sido cultivada em grande escala para a produção de biodiesel.

O óleo de rícino existe há muito tempo e tem sido amplamente utilizado para fins medicinais. É um dos primeiros óleos vegetais a serem utilizados para fins industriais devido à sua alta viscosidade e propriedade lubrificante.

Para que Serve:
O óleo de rícino é utilizado para diversos fins, sejam eles industriais, como na produção de materiais lubrificantes, ou para fins medicinais, como para problemas de prisão de ventre e dores musculares, e até mesmo para fins estéticos.

Promove o crescimento do cabelo.
Massagear o óleo no couro cabeludo pode resultar em crescimento extra do cabelo. Este óleo quente apresenta a capacidade de melhorar a circulação. Ele deve ser aplicado da mesma forma que é aplicado na pele para infecções fúngicas, massageando o couro cabeludo.

Além disso, o óleo de rícino pode ser aplicado em áreas que perderam o cabelo devido à alopecia. Sua propriedade anti-inflamatória pode trazer benefícios do óleo de rícino contra esta desordem auto-imune.

Mais um dos benefícios do óleo de rícino para o cabelo é a sua capacidade de ajudar a prevenir e reparar as pontas duplas. Basta aplicar algumas gotas do óleo diretamente nas extremidades do cabelo para reduzir a quantidade de pontas duplas. Ele ajuda ainda a restaurar a saúde do seu cabelo e torná-lo muito menos quebradiço.

Alivia dor muscular.
O óleo de rícino é considerado um óleo quente que promove a circulação de fluidos no corpo. É excelente como óleo de massagem e pode aliviar a dor resultante do excesso de trabalho dos músculos. Se você tem músculos doloridos na panturrilha e na coxa após exercícios vigorosos ou prática de esportes ativos, aplique um pouco de óleo de mamona na área dolorida e esfregue-o.

O óleo de rícino é um bom óleo transportador para óleos essenciais. Adicione algumas gotas de óleo de camomila romana ou óleo de hortelã-pimenta a uma colher de sopa de óleo de rícino para tornar a massagem mais relaxante e curativa.

Trata infecções causadas por fungos.
Há benefícios do óleo de rícino como uma forte função fungicida graças ao ácido undecilênico, que é um produto de degradação do ácido graxo rícinoléico, abundante no óleo de rícino. Ele pode ser usado para tratar doenças fúngicas comuns como micose e pé de atleta. É tão eficaz quanto os medicamentos utilizados para tratar infecções fúngicas e sem nenhum dos efeitos colaterais das drogas antifúngicas.

Realça a cor dos cabelos.
O óleo de rícino pode ser usado para melhorar a cor natural do seu cabelo e fazê-lo parecer mais grosso e brilhante. Este óleo é um umectante, ou seja, ele bloqueia a umidade. Quando aplicado no cabelo, preserva a umidade natural na raiz do cabelo e torna cada fio mais grosso e mais escuro.

Cicatrizante natural.
O óleo de rícino também tem uma ação cicatrizante potente, devido principalmente à presença da vitamina E. Por isso, ele pode ser um aliado de pessoas com estrias recentes (aquelas com aspecto avermelhado).

Benefícios do óleo de rícino para as sobrancelhas e cílios e como usar

Muitas pessoas indicam o uso do óleo de rícino para melhorar o crescimento das sobrancelhas e cílios. De fato, ele ajuda por engrossar os fios e torná-los mais vistosos, dando a impressão de que estão mais numerosos. O uso nas sobrancelhas é liberado, mas nos olhos é preciso ter cuidado, já que não se sabe que efeito eles podem ter na visão.

É recomendado aplicar com uma escovinha dessas de rímel, que pode ser comprada nova ou mesmo uma antiga devidamente higienizada. No caso das sobrancelhas, pode-se deixar o óleo agindo durante a noite, só tomando o cuidado de colocar uma toalha no travesseiro para não manchar. No caso dos cílios, o mais indicado é conversar primeiro com um dermatologista e entender se vale para seu caso.